15:26h • 23 de Outubro de 2018
Alterar Senha
Esqueci minha Senha

Notícias

Presidente da APMP faz visita ao Presidente da OAB Paraná

Aproximação e diálogo marcam o encontro dos representantes das Instituições

19/09/2018

Na tarde desta segunda-feira, 17 de setembro, o Presidente da APMP, Cláudio Franco Felix, esteve na sede da OAB Paraná, em Curitiba, e realizou uma visita de cortesia ao Presidente da Seccional, José Augusto Araújo de NoronhaNa oportunidade, também estavam presentes o Secretário-Geral Adjunto da OAB/PR e presidente da Câmara de Prerrogativas da seccional, Alexandre Hellender de Quadros, e a Assessora Jurídica da APMP, Andressa de Carvalho.

Durante o encontro os representantes das instituições trataram de assuntos de interesse comum, em especial sobre as prerrogativas profissionais.

O presidente da APMP enalteceu a importância do diálogo e da aproximação entre as classes. “O atual cenário mostra-nos que é tempo de dialogar, para o fortalecimento das relações institucionais, primando pelo respeito entre os membros de cada Instituição”, afirmou Cláudio. Ainda, destacou o trabalho imparcial realizado na Câmara de Prerrogativas da OAB Paraná: “Temos possibilidade de diálogo aqui. A Câmara tem feito um avanço significativo, que deve ser reconhecido”.

É importante esse diálogo entre as entidades, que pode sempre contribuir para a melhoria das relações entre advogados e integrantes do Ministério Público, sempre cada qual reconhecendo as prerrogativas inerentes à cada uma das funções e atuações no processo”, observou Noronha.

Quadros explicou que o trabalho desenvolvido em prol das prerrogativas não é simples. “Precisamos dar viabilidade para que os advogados possam exercer sua função e avaliar em quais casos efetivamente as prerrogativas são desrespeitadas”, disse o presidente da Câmara de Prerrogativas. Ele acrescentou que é importante promover a interação positiva e saudável com outras instituições e que a OAB está à disposição para aproximação com entidades como a APMP.

A assessora Jurídica da APMP, Andressa de Carvalho, que representa os promotores e procuradores na Câmara de Prerrogativas, elogiou a maneira como os trabalhos são conduzidos com respeito aos direitos não só dos advogados, mas também das outras partes, sempre com muito critério e competência.